fbpx
Blog > Reabilitação

Se vive numa casa antiga e pretende reabilitá-la, mas não sabe bem por onde começar no que toca à sua recuperação, não procure mais – este artigo é mesmo para si!

A reabilitação visa, sobretudo, converter um imóvel extremamente desatualizado ou até devoluto, dando-lhe uma nova vida e adaptando-o aos padrões de conforto atuais ou até a uma utilização específica. Nos anos mais recentes, tem-se assistido a um grande investimento neste tipo de projetos. Por um lado, faz face à falta de habitações; por outro, responde à enorme demanda criada pelo turismo nas grandes cidades.

Esteticamente, as traças antigas, com as suas portadas e soalhos de madeira, os grandes varandins, os tetos trabalhados, os azulejos antigos e a “alma” inconfundível que carateriza estes imóveis, tornam estes edifícios únicos.

Os processos de reabilitação são amplos e complexos e possuem contornos específicos, sendo que a reabilitação pode ser classificada em vários tipos que estão inclusivamente identificados e caracterizados na legislação portuguesa.

Conservação

Os projetos de reabilitação que visam a conservação ou manutenção de determinado imóvel incluem todos os trabalhos de construção civil e restauro que não pretendem transformar o edifício. E isto aplica-se tanto no interior, como no exterior e na fachada do imóvel. Além disso, os projetos de conservação também não são objeto de qualquer parecer por parte da CM, sendo que é suficiente uma comunicação prévia para o requerente iniciar as obras no imediato.

Reconstrução

Como o próprio nome indica, estes tipos de projetos de reabilitação são aqueles que resultam de uma demolição total ou parcial da edificação e nos quais é necessário reconstruir a sua estrutura e fachada.

Ampliação

Um projeto de ampliação de um imóvel engloba todas as obras que alteram a sua área e implicam que este aumente a sua área de construção. Não comprometem alteração de uso e podem transformar a fachada e os interiores, assim como as estruturas e infraestruturas. Representam um verdadeiro desafio para os arquitetos, sendo projetos extremamente desafiadores pois é necessário um confronto entre o antigo e o novo. Por norma, resultam daqui projetos de reabilitação de enorme riqueza arquitetónica.

Reorganização espacial

Estes tipos de projetos de reabilitação dizem respeito a alterações que não mexem com a localização, o número de compartimentos, a forma ou dimensão das escadas, a dimensão do corredor interior, o número de habitações ou o número de pisos.

Independentemente do tipo de obras que pretende fazer, pode ou não ser necessário obter determinadas licenças, sob risco de incorrer em multas muito avultadas e até mesmo na obrigação de destruir tudo o que tenha feito até ao momento e não esteja licenciado. Por isso, é importante que saiba que tudo o que envolve alterações de fachada, exteriores ou de elementos estruturais, exige um pedido prévio de licença. No caso de falarmos de obras interiores (incluindo algumas demolições que não alterem a fachada exterior), só é necessária uma informação à entidade reguladora. No entanto, para que não sobrem dúvidas, antes de iniciar a obra, é importante que conte com o apoio de especialistas.

Uma empresa de remodelações e obras que trabalhe com técnicos especializados nas diversas vertentes de reabilitação e restauro deve ser consultada. A Urban Obras como uma empresa transversal que é, oferece um leque de serviços integrados que permitem realizar um projeto do início ao fim, dispondo de todas as valências identificadas como necessárias.

A Urban Obras ocupa-se de todo o tipo de projetos de reabilitação, tratando de todas as fases inerentes à obra, libertando-o de qualquer preocupação. As nossas equipas profissionais acompanham cada projeto de forma personalizada e vão devolver-lhe o seu imóvel totalmente reabilitado, valorizado, e pronto a viver novas e apaixonantes histórias.

Cada vez mais o lema é reutilizar. Porque não fazê-lo com as casas? Dê uma vida nova a uma casa velha! Contacte-nos!

Da inspiração à obra!

Solicite já o seu orçamento

Pedir orçamento